segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Vazio

É assim que tô sentindo tudo aqui. Tá um buraco cheio de falta de um monte de coisa, de pessoas, de sentimentos, de carinhos, de certas atenções. Tem um trecho de Caio Fernando Abreu que traduz tudo isso.
“Frágil – você tem tanta vontade de chorar, tanta vontade de ir embora. Para que o protejam, para que sintam falta. Tanta vontade de viajar para bem longe, romper todos os laços, sem deixar endereço."
Ir embora a gente sabe que não resolve nada,mas o primeiro sentimento é esse.Largar tudo e ir pra qualquer lugar, dar um pause nisso tudo sabe? Não é só a falta que anda me angustiando é a o excesso de certas cobranças, o peso que colocam em mim, e tudo isso sem o que eu sinto ausência só faz piorar. Porque é mais ou menos assim com todo mundo né? Quando pesa de um lado, o outro compensa, mas a balança aqui anda descompensada.
Não vou chutar o balde, não vou não. Nem vou aconselhar a ninguém a fazer isso. Problemas, pessoas interesseiras e decepção é que nem poste, tem em cada esquina.Vamos encara-los e partir pro abraço, porque eu tenho fé de que o melhor está por vir e eu vou correr atrás pra conquistar isso.
Que encontremos conforto pros nossos corações, um beijo!

2 comentários:

Little Ann disse...

Às vezes também me sinto assim, um vazio de querer alguma coisa e não saber bem o que. É um momento nosso, de angústia com você mesma mas passa. Momentos assim são normais e até um certo ponto bons porque depois que vão você se sente viva e pronta para os próximos.

Trecho do Caio é perfeito, aliás, o que ele escreve é sempre bom. ;)

Beijos.:*

Luh disse...

é Gabby, eu também tenho andado meio assim.
Por mais que esteja tudo aparentemente bem, é como se tivesse um buraco estranho, como se faltasse algo.
Ás vezes parece que a gente se sente perdida, mas vai passar, sempre passa.
Fica bem (:

beeijos :*